EMILY VANCAMP NO HOLLYWOOD MEDIUM

Foi exibido no dia (12/07), a entrevista da Emily com o medium Tyler Henry em seu programa de TV, ‘Hollywood Medium’ no canal E!. A atriz passou por uma experiência de leitura espiritual e relembrou também sobre uma difícil decisão familiar.

Obs: O programa não foi transmitido no Brasil. Confira a tradução da entrevista:

Seu avô faleceu, e depois sua avó também veio a falecer…
Sim.
Quanto tempo entre essas passagens?
Acho que por volta de 1 ano e meio.
Sua avó está se fazendo presente, e afirmando uma “causa dupla” para sua morte. Quando eles fazem isso, é uma forma de dizerem “estava lutando contra algo, e então outra apareceu”. Ela está me mostrando seu pulmão(?)…
Ai meu Deus, como você saberia disso?!
E ela está basicamente dizendo que ela poderia ter enfrentado esse problema, mas depois que esse surgiu sabia que não poderia vencer. Ela também afirma que não queria a ajuda de aparelhos para sobreviver e é muito insistente com isso tipo, “não me coloquem nisso, me deixem partir” hum… então ela teve um tempo para processar isso, e queria não fosse tão difícil para a família. Ela mostra que está bem, está ok, ela está com esse grande sorriso no rosto…
Sério?!
Sim!
Que bom!
Então tem essa sensação nela, e ela só quer ter certeza de que todos estão bem. Quer ter certeza de que todos puderam processar isso, que ela entende como tudo veio a acontecer e que há um sentimento de paz.
Minha avó, acho que já tinha alguma coisa envolvendo o pulmão, algo com o que ela já convivia a bastante tempo. Acho que com a passagem do meu avô acelerou um pouco as coisas, eles foram casados por tanto tempo, e acredito que ela queria ficar com ele.
Sim, de fato. Acho que a beleza disso é difícil compreender, ser capaz de criar essa conexão.
É maravilhoso. Eles eram os capitães do nosso barco, e então meio que realmente causou um caos. Nunca acreditei que seria assim (?), mas quando é o patriarca e depois a matriarca meio que as coisas ficaram muito ruins, para dizer o minimo. e ainda estamos lidando com isso, mas isso ajudou bastante nesse processo de recuperação eu acredito.
Sua avó foi muito insistente em permanecer onde morava e pediu para me falar (?) desse lugar que é passado de geração para geração, tipo de casa que permanece na família…
Ai meu Deus…
E me pediu para certificar de toda a discussão do que fizeram com essa casa depois que ela faleceu…
Sim..
Então tem toda essa situação dentro da família “o que fazemos agora?”
Não posso acreditar que você está dizendo isso.
Sim!
Nós não queríamos desfazer dela, mas com toda a situação foi passada para minha mãe e os irmãos dela – então eles acabaram comprando a casa, e estamos reformando ela agora. então mantivemos ela na família, e como ela está se sentindo sobre isso?
Então ela está afirmando algo como “Isso! Isso!” , agradecendo por terem feito esse processo…
Foi um processo muito difícil pra minha família… Uma batalha horrível. Demais, mas foi o certo a fazer?!
Sim, absolutamente, 100%.
Wow, meus pais ficarão felizes de ouvir isso. Foi uma luta muito grande. O fato dele saber sobre a casa dos meus avós e toda situação por trás disso, foi completamente inacreditável. Houveram tantas conversas sobre o que fazer com ela, e tudo isso quando aconteceu quando tínhamos uma oferta pra casa… e minha mãe meio que rejeitou, tipo “tipo não importa o que tenhamos que fazer, vamos fazer dar certo”
Ela quer que eu comunique, que no estado em que estava … o sentimento é de que gosto onde moro… ela morou naquela casa durante… Praticamente toda a vida/toda a doença(?) Ela tá confirmando esse sentimento de ser esperta o suficiente pra saber que não posso ficar aqui. De saber que se algo estava errado ela precisava ir para o hospital, mesmo se morrer quero ficar em casa e quero manter assim (?)
Foi exatamente assim que aconteceu, na última semana ela estava doente e estava insistindo para ficar em casa. ai meu Deus, isso é emocionante… mas, quando chamaram a ambulância, ela disse a minha tia “só quero ficar aqui por mais 20 minutos” e ela sabia que seria a última vez.
Ela sabia, e quer que saiba que ela ainda está conectada a casa, que na perspectiva dela (…?…) memórias, então ela agradece por manterem ela.
Estou tão grata por você ter dito isso, a gente de fato não sabia se era o certo a fazer, agora acho que temos uma validação maior de que fizemos a coisa certa – minha mãe vai ficar tão feliz de saber isso. Muito obrigada…
Por nada!
Isso foi tão insano, mal posso esperar para falar com a minha família.
Acredito que isso realmente ajude a família, não apenas sua mãe.
Tyler foi simplesmente extraordinário. tudo sobre essa experiencia foi perfeito. me sinto aliviada, sinto que uma conexão de fato aconteceu com os meus avós – isso é fascinante. E será um presente tão bom minha família saber disso, foi um dia lindo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *